Bar em São Paulo

Bar em São Paulo – Descrição / texto

Este projecto ilustra o processo de regeneração funcional que vários bairros de Lisboa estão a sofrer actualmente: no lugar de uma antiga tipografia surge um bar que pretende, além do serviço normal, ser um lugar de experimentação e difusão cultural.

Para o mesmo espaço, os clientes têm objectivos tão específicos quanto contraditórios entre si: como pode uma sala de refeições ligeiras transfigurar-se num café de fim de tarde, uma caixa de som, uma sala de projecção ou um palco para happenings privados? Em vez da resposta convencional - um suporte neutro que absorve passivamente qualquer evento - criámos um conjunto de objectos autónomos de aparência temporária e que sugerem um diálogo aberto entre si, como uma decoração inacabada. Cada um destes objectos contém uma unidade funcional – copa, armazém, balcão, instalações sanitárias, etc. - e segue a sua própria lógica funcional, volumétrica e construtiva.


Processo

Construção

Antes

De Stijl


Ficha técnica

Local
Lisboa
Data
2010 - 2011
Área Construída
78 m²
Área do Terreno
78 m²

Arquitectura
Vasco Correia e Patrícia Sousa
Colaboraram
Tiago Garrido, Eliana Gonçalves e Christoph Schwander